Banner Prefeitura

Cirurgias eletivas trouxeram mais qualidade de vida para 667 pessoas em Alagoinhas

Foto: Divulgação PMA

Entre junho e julho deste ano, o Centro de Cirurgias Eletivas realizou 667 procedimentos cirúrgicos em Alagoinhas. A Secretaria Municipal de Saúde oferta os serviços gratuitamente à comunidade.

*Completando 30 de projeto*, desde a inauguração da unidade, já foram realizadas cirurgias como Colpoperíneoplastia, laqueadura, ooforectomia, colecistectomia, retirada de hérnias epigástrica, inguinal e umbilical; histerectomia total, hernioplastia incisional e vasectomia, além de mais de 1.200 exames de USC e ECC e 139 exames preventivos.

A população de Alagoinhas foi contemplada com um programa de saúde que possibilitou beneficiar pacientes que esperavam há anos na fila do SUS por exames e cirurgias eletivas. A prefeitura, em parceria com a empresa Mais Saúde, conseguiu atender mais de 1.450 pacientes.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Há 02 anos esperando para realizar seu procedimento, Rafaela de Jesus Andrade, 33 anos, passou pela cirurgia de laqueadura e vai poder viver uma vida mais leve e com bem-estar. “Eu tenho seis filhos e procurei o serviço há dois anos, mas não pude fazer por conta da pandemia. Foi quando surgiu o mutirão. Foi no posto do meu bairro que minha enfermeira me avisou, colocou meu nome e deu certo. Fui chamada, fiz todos os exames no Carneirão e agora estou aqui”, comemorou a paciente.

A secretária de Saúde, Laína Passos, afirma que este é um momento de muita alegria e diz que a expectativa é de, nos próximos meses, aumentar a quantidade de atendimentos e permitir que mais alagoinhenses possam realizar suas cirurgias. “Para a gente é motivo de muita alegria trazer de volta ao município de Alagoinhas a realização das cirurgias eletivas, que há mais de 20 anos não eram realizadas aqui. Então, ao longo desses 30 dias, pudemos ver de volta aos rostos das pessoas os sorrisos, a gratidão e é isso que nos move. Esse sentimento é que nos move, o sentimento de fazer acontecer a saúde da população”, agradeceu a gestora.


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.