Luciano Huck se desculpa por comentar peso de Marília Mendonça

Apresentador relembrou que cantora estava ‘magrinha’ em último programa

Foto: Reprodução/Globo

O apresentador Luciano Huck iniciou o Domingão pedindo desculpas por um comentário gordofóbico que fez sobre Marília Mendonça no programa anterior, durante uma homenagem à cantora.

“Quando a gente comete algum tropeço, acho importante a gente se colocar, assumindo os erros é que a gente avança. Em algum momento (da homenagem), teve uma imagem que tava Marília, Maiara e Maraísa e eu fiz um comentário sobre a estética delas. E quando eu fiz, eu me arrependi no mesmo minuto”, afirmou.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Huck disse que a pressão estética é uma constante ao longo da vida e que não devemos fazer comentários que contribuem para isso. “O mundo está melhorando tanto. A gente tem superado questões tão importantes. Tem assuntos que a gente não deve falar e falar sobre estética é um deles, Todo mundo sofre tanto ao longo da vida com a pressão estética. Eu acho que a gente não tem mais que falar disso. Cada um tem que ser feliz do jeito que é”, disse. “Errei, não farei mais”.

Apesar disso, Huck disse ter ficado orgulhoso com o programa dedicado a Marília. “Deu muito trabalho, foi muito dificil de fazer, eu fiquei muito orgulhoso do que a gente fez no ar, fiquei muito orgulhoso e acho que foi uma homenagem à altura da relevância dessa artista que nos deixou”, disse.

“Magrinhas”
Durante o programa que lembrava Marília, Huck relembrou a última apresentação da cantora no Domingão, ao lado de Maiara e Maraisa, no mês passado. Ele destacou que as três estavam “magrinhas”.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“Três semanas que eu estava com as três no palco. Na verdade, era só metade das três no palco, porque elas estavam as três magrinhas”, disse.

O comentário gerou muitas críticas. “Respeitem os corpos e legados das mulheres”, escreveu uma internauta.

Marília Mendonça foi uma das cinco pessoas que morreram em um acidente de avião no dia 5 de novembro, em Piedade de Caratinga, Minas Gerais. Ela viajava para um show que aconteceria naquela noite em Caratinga, a cerca de dez quilômetros do local da queda.

(fonte Correio)