Banner Prefeitura

Presidente do TSE dá cinco dias para Bolsonaro se manifestar sobre ataques às urnas

O PDT pediu que sejam excluídos das redes sociais os vídeos em que Bolsonaro põe em dúvida o processo eleitoral do país

crédito: Nelson Jr./SCO/STF

Presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Edson Fachin deu cinco dias para o presidente Jair Bolsonaro (PL) se manifestar sobre os ataques feitos às urnas eletrônicas e ao sistema eleitoral em uma reunião com embaixadores na última segunda-feira (18).

O PDT pediu que que sejam excluídos das redes sociais os vídeos em que Bolsonaro põe em dúvida o processo eleitoral do país.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A sigla também pede à Corte eleitoral que as plataformas digitais, o PL e o presidente sejam multados, “em patamar máximo”, devido à veiculação de propaganda antecipada negativa.

Com o fim do recesso no TSE, o caso irá para as mãos da ministra Maria Claudia Bucchianeri, relatora dos pedidos feitos pelo PDT e pelo PT.

(Via Metro1)


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.