Banner Prefeitura

Odebrecht deve pagar R$ 500 milhões em multas de delatores, diz jornal

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

De acordo com o jornal Folha de S.Paulo, a construtora Odebrecht concordou em pagar R$ 500 milhões em multas aplicadas pelos procuradores da Lava Jato nos 77 executivos e acionistas do grupo que fizeram acordo de delação premiada.

Ainda segundo o jornal, esse valor não está incluído na indenização que a empresa pagará aos governos do Brasil, dos Estados Unidos e da Suíça, montante que gira na casa dos R$ 6,8 bilhões.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O cálculo teria sido feito levando em conta salários e bonificações recebidas pelos profissionais nos últimos dez anos. Em tese, muitas dessas premiações seriam oriundas de contratos feitos depois do pagamento de propina a políticos e funcionários públicos.

A reportagem afirma que há um teto para o pagamento das multas, que seria de 30% do total recebido pelos executivos, que estariam pressionando a empresa a pagar o débito para que eles tenham bens e contas bancárias desbloqueados. A empresa, no entanto, só quitaria o valor depois da homologação dos acordos.

A Odebrecht, de acordo com a Folha de S.Paulo, preferiu não se pronunciar sobre o caso, mas teria afirmado que tem o compromisso de colaborar com a Justiça.

*RedeTV!


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.