Banner Prefeitura

Lula defende que PT corrija erros para reconquistar confiança da sociedade

Foto: Estela Marques / Bahia Notícias
Foto: Estela Marques / Bahia Notícias

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) estimulou o Partido dos Trabalhadores a corrigir seus erros para reconquistar a confiança da sociedade. Durante cerimônia de lançamento do congresso nacional do partido, nesta quinta-feira (19) em São Paulo, Lula disse que o PT não deve voltar a ser apenas oposição e que é necessário recuperar a imagem do partido neste ano.

“Se a gente não decidir o que fazer, podemos jogar por terra a esperança que a sociedade ainda deposita no PT”, declarou o presidente de honra do partido. Lula chamou a atenção para o “golpe”, modo como foi tratado o impeachment de Dilma Rousseff, ter acontecido não apenas por causa da atuação de opositores, mas pela falta de visão do que estava sendo feito pelo governo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“O que me preocupa é saber se seremos capazes de aproveitar o congresso para que corações e mentes voltem a ter no PT a esperança que tiveram em outro momento”, reforçou.

De acordo com o Estadão, Lula também cobrou discussão sobre os benefícios do aumento do salário mínimo e defendeu que bancos públicos e voltem a ser públicos – se referindo ao interesse do Banco do Brasil e da Caixa em competir em rentabilidade com concorrentes privados, e que o BNDES volte a fazer investimentos.

O petista defendeu ainda o uso de reservas internacionais nos investimentos em infraestrutura, maior participação dos bancos estatais na redução dos juros e o uso de depósitos compulsórios no financiamento do desenvolvimento industrial. Lula avalia que o Estado pode se endividar, se isso refletir aumento de ativos produtivos, como o fez Estados Unidos, Japão e Alemanha.

“Aqui no Brasil fizeram a opção de fazer o ajuste em cima de quem não deveria ter o ajuste, que é o povo trabalhador”, criticou.


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.