Banner Prefeitura

Ex-pugilista baiano Reginaldo ‘Holyfield’ é internado em Salvador

Com diabetes e depressão, ele tem dificuldades para falar e andar

Foto: Reprodução/TV Bahia

O ex-boxeador baiano Reginaldo Hollyfield, 56, um dos grandes ídolos do esporte está passando por uma situação difícil. Ele foi internado nesta terça-feira (10) na Unidade de Pronto Atendimento (Upa) de Brotas para realizar uma bateria de exames por causa de complicações devido a diabetes.

A filha de Hollyfield, Pamela Catarine, contou que o pai nos últimos quatro dias apresentou uma crise de soluço, está com depressão e não está conseguindo falar e nem comer direito. Além disso, Pamela conta também que ele foi diagnosticado um aumento na próstata. “Minha avó morreu há seis meses. Depois disso ele ficou bem triste e começou a ficar mais debilitado ainda”, diz a filha.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Foto: Redes sociais

A situação complicada de Holyfield gerou campanha nas redes sociais. Uma delas, puxada pelo cantor e compositor Tonho Matéria. Tonho que pediu a mobilização do governador da Bahia, Rui Costa, e do prefeito de Salvador, Bruno Reis, além de deputados e vereadores, para ajudar o ex-boxeador a conseguir atendimento médico.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Fenômeno baiano

Reginaldo Hollyfield foi uma das estrelas do boxe baiano. Holly já subiu no ringue 49 vezes, com 42 vitórias, 39 delas por nocaute, e sete derrotas. Foram seis títulos brasileiros, quatro sul-americanos, seis latinos, um hispânico e dois mundiais pela Federação Mundial de Boxe (FMB), todos na categoria super médio.

Além de herói nos ringues, Hollyfield salvou dois sobrinhos de um incêndio na casa de sua mãe. O ex-atleta sofreu queimaduras em 40% do corpo.

Reginaldo Hollyfield também se aventurou na política candidatando-se aos cargos de vereador, em 2012 e 2016, e deputado federal em 2018. Não conseguiu vencer nenhuma vez. *Com informações do Bahia.ba


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.