Banner Gov BA 2

Vitória faz dever de casa, atropela o Cruzeiro e dorme fora da zona de rebaixamento

fonte Galáticos Online

O rubro-negro quebrou um tabu de 15 anos sem vencer os mineiros, em Salvador

Foto: reprodução/Twitter EC Vitória

Com autoridade, o Vitória bateu o Cruzzeiro, por 3 a 0, no Barradão, pela Série B e dorme momentaneamente fora da zona de rebaixamento. O jogo teve uma grande presença da torcida rubro-negra no estádio. Ao todo, 18.063 pessoas estiveram presentes, para uma renda de R$ 242.556,00.

O rubro-negro quebrou um tabu de 15 anos sem vencer os mineiros, em Salvador. O duelo foi marcado pela bela atuação ofensiva do time, principalmente do atacante David, que fez dois gols.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O próximo compromisso do Leão é na quinta-feira (18), pela Pré-Copa do Nordeste, contra o Botafogo-PB, às 21h00, novamente em casa. Já a Raposa, joga no dia 19, no Maranhão, contra o Sampaio Corrêa.

O JOGO

O Vitória começou em cima e apertou o Cruzeiro no campo de ataque. No terceiro minuto de jogo, Marcinho cobrou a falta na área e o atacante Thiago, da Raposa, desviou contra o próprio gol, abrindo o placar pro Leão.

Aos sete minutos, o segundo gol veio após bela jogada de Roberto, que deu um chapéu de cabeça em Norberto, e cruzou rasteiro para David bater firme, sem chances para Fábio.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Aos 34′, em belo contra-ataque, Bruno Oliveira recebeu de David e enfiou a bola para o próprio camisa 9 que, sem dominar, mandou de esquerda no canto do goleiro. A bola ainda toca na trave, antes de entrar.

SEGUNDO TEMPO

Logo aos 4′, o Leão quase transforma a partida em goleada. Em cobrança de falta de Eduardo na área, Thalisson Kelven desvia o trajeto da bola, enganando o goleiro, e ela sai raspando a trave.

Aos 22′, Roberto recebeu pela esquerda da intermediária e mandou uma bomba, cruzada, Fábio espalmou a bola pro lado e João Pedro, no rebote, deu um carrinho na bola e ela saiu pela parte de fora da rede.

Dois minutos depois, a Raposa quase diminuiu. Marcinho finalizou cruzado, o goleiro do Vitória espalmou para o meio e, no rebote, Vitor Roque, de carrinho, finaliza encima de Lucas Arcanjo, que fechou bem o ângulo do atacante.

FICHA DO JOGO

Vitória 3 x 0 Cruzeiro;
Série B – 36ª rodada;
Local: Barradão (Salvador);
19h00 (de Brasília);
Arbitragem: Jefferson Ferreira de Moraes, auxiliado por Fabricio Vilarinho da Silva e Cristhian Passos Sorence (trio de Goiânia)
VAR: Elmo Alves Resende Cunha (GO) Cartões Amarelos: Wellington Nem e Marcinho (CRU) Cartões Vermelhos: Gols: Thiago (Contra) e David (2x) (VIT)

VITÓRIA:

Lucas Arcanjo; Raul Prata, Thalisson Kelven, Wallace e Roberto; João Pedro (Marco Antônio), Eduardo (Cedric) e Bruno Oliveira (Soares); Marcinho (Alisson Santos), Fabinho (Caíque Souza) e David.

Técnico: Wagner Lopes

CRUZEIRO:

Fábio; Norberto (Marco Antônio), Rodholfo, Eduardo Brock e Felipe Augusto (Jean); Felipe Ventura, Rômulo e Giovanni (Claudinho); Wellington Nem (Marcinho), Vitor Leque (Vitor Roque) e Thiago.

Técnico: Vanderlei Luxemburgo