Banner Prefeitura

Goleiro da Chapecoense passa por nova cirurgia

001-7O goleiro da Chapecoense, Jackson Follmann, foi submetido na tarde de ontem (2) a uma cirurgia no joelho esquerdo para fusão óssea da articulação. Segundo a assessoria de imprensa da unidade Hospitalar da Unimed Chapecó, onde ele permanece internado, a operação transcorreu sem problemas.

Follmann é um dos seis sobreviventes do acidente aéreo ocorrido no dia 29 de novembro na Colômbia, no qual mais de 70 pessoas morreram entre atletas, membros do clube, tripulantes e jornalistas.

Segundo informações do hospital, foi colocada uma haste intramedular para a fixação do tornozelo. “Na mesma ocasião, a equipe revisou novamente o coto de amputação do membro inferior direito, que se encontra em franca cicatrização, sem sinais de processo infeccioso.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Operação durou três horas

Os procedimentos duraram cerca de três horas e o atleta foi encaminhado para a sala de recuperação pós-anestésica”, diz a nota da assessoria.

A equipe cirúrgica contou com o médico ortopedista da Chapecoense, Carlos Henrique Mendonça, e com os médicos cooperados da Unimed Chapecó, Marcos André Sonagli e Alexandre Bernardi (ortopedistas) e Gustavo Colonheze (cirurgião plástico), além de equipe de anestesia.

Follmann foi transferido do Hospital Israelita Albert Einstein para o Hospital Unimed, em Chapeco, Santa Catarina, no dia 17 de dezembro. Ele estava internado no Albert Einstein desde o dia 13, quando foi submetido a uma correção cirúrgica de uma fratura, com fixação da segunda vértebra cervical.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Agência Brasil


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.