Banner Prefeitura

Fifa pode unificar Eliminatórias da América do Sul e da Concacaf, diz jornal

Foto: reprodução
Foto: reprodução

Se a Fifa resolver ampliar a Copa do Mundo para 48 seleções, é possível que uma consequência abale o continente americano: a entidade cogita unificar as Eliminatórias da América do Sul com as Eliminatórias da Concacaf, que reúne países do Caribe e da América do Norte. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Atualmente a Copa do Mundo tem 32 seleções. Nas Eliminatórias Sul-Americanas dez equipes disputam quatro vagas diretas e uma na repescagem. Com a ampliação, estima-se que as vagas aumentariam para sete. Portanto ficaria muito fácil para qualquer seleção se classificar, o que geraria desinteresse nos jogos, perda de audiência e menos venda de ingresso.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Como a Fifa está cogitando essa ampliação da Copa do Mundo justamente para arrecadar mais dinheiro, não faria sentido manter as Eliminatórias Sul-Americanas da forma atual.

Por isso será analisada a possibilidade de unificação das Eliminatórias da Conmebol e da Concacaf. Isso resultaria em uma disputa de 46 países por 14 vagas. Na Europa hoje acontece algo parecido: 13 vagas são disputadas por 53 seleções.

Todas essas possibilidades serão discutidas nesta terça-feira, em uma reunião de confederações, em Zurique, na sede da Fifa. Mas não será fácil aprová-las, pois países pequenos da Concacaf tinham esperança de conseguir vagas na Copa mais facilmente, o que não acontecerá se eles tiverem que enfrentar equipes sul-americanas também.

Fonte: GOAL


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.