Em reformulação, CBF demite nove pessoas da Comissão de Arbitragem; saiba os nomes

fonte Galáticos Online

Entre os nomes dispensados, está Sérgio Corrêa, um dos mais antigos e responsável pelo árbitro de vídeo (VAR).

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Passando por uma reformulação, a Comissão de Arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) demitiu nesta segunda-feira (25) nove pessoas que faziam parte do departamento. Entre os nomes dispensados, está Sérgio Corrêa, um dos mais antigos e responsável pelo árbitro de vídeo (VAR).

Além dele, foram dispensados o baiano Manoel Serapião, responsável pela análise da arbitragem, e coronel Marinho, ouvidor da entidade. Também deixaram a CBF Cláudio Cerdeira, José Mocellin, Nilson Monção, Almir Alves de Mello – responsável por cortes de vídeo do VAR – Marta Magalhães (psicóloga) e Érika Krauss (logística).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A reformulação foi anunciada no meio da manhã diretamente pelo recém-empossado presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Wilson Seneme.

Nos cargos da comissão, continuaram Alicio Pena Júnior, nomeado interino por Ednaldo Rodrigues após a saída de Leonardo Gaciba em 2021, além de Giuliano Bozano e Édson Resende, que permanece como corregedor.

Sérgio Corrêa entrou na CBF em 2006 e, no ano seguinte, assumiu a presidência da Comissão Nacional, onde esteve até 2012. De 2012 até 2014, se ausentou da presidência, passando a ser diretor do departamento de arbitragem. Já de 2014 até 2016, foi novamente presidente. Por fim, de 2016 até hoje, permanecia na entidade, mais recentemente responsável pela implantação do VAR.


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.