Banner Gov BA 2

Bellintani dispara contra arbitragem após pênalti marcado: ‘Má intenção’

fonte Bahia.ba

Dirigente tricolor ainda citou erros da arbitragem nos jogos passados

Felipe Oliveira / EC Bahia

O presidente do Esporte Clube Bahia, Guilherme Bellintani deu uma declaração contundente, na noite desta quinta-feira (11), após os erros do árbitro no confronto entre Flamengo e o tricolor baiano.

Durante uma entrevista concedida ao programa SportsCenter, do canal ESPN, Bellintani disparou contra o árbitro Vinicius Gonçalves Dias Araujo, responsável pelo apito durante a partida.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“A bola [bateu] no peito de Conti. O juiz certamente não viu o pênalti, mas deu o pênalti. Cego ele não é, então deve ter tido alguma outra intenção. Ele teve a chance de corrigir a bizarrice, a coisa horrível que ele fez, e que vai manchar a biografia dele”, disse.

Bellintani aproveitou para ironizar a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) afirmando que mesmo com o erro, não vai acontecer nada com o árbitro. “Daqui a dois jogos ele vai ser escalado de novo. O momento não é difícil só para o Bahia, é difícil para o futebol brasileiro. Eu não estou aqui fazendo uma reclamação apenas como presidente do Bahia”, acrescentou.

Guilherme Bellintani aproveitou para lembrar os erros da arbitragem que prejudicaram o Bahia tanto contra o Juventude, quanto contra o São Paulo, nas duas rodadas passadas.

“Vocês citaram aí o jogo contra o Juventude lá em Caxias do Sul. A bola indo ao gol, sem goleiro, com a bola direcionada para o gol, o jogador do Juventude corta a bola com a mão e o juiz disse que foi braço de apoio. A própria ouvidoria da CBF indicou o erro crasso do juiz, que teve a oportunidade de corrigir no VAR e não corrigiu. Depois, no jogo Bahia e São Paulo, mais um erro absurdo. Miranda pisa no pé de Juninho Capixaba e o juiz no áudio, que agora a gente felizmente está tendo acesso, disse que não foi pênalti. Segundo ele, Miranda não tinha outro lugar para colocar o pé. Ou seja, senhoras e senhores, está inaugurado no futebol brasileiro a era que, se você não tiver outro lugar para colocar o pé, pode pisar no pé do adversário que não é pênalti. Eu nunca vi algo parecido com isso. Novamente a ouvidoria da Comissão de arbitragem disse que o árbitro errou”, afirmou.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“É algo escandaloso que passa a ser histórico. Histórico para o VAR, e para a verdadeira vergonha que é a liderança de Leonardo Gaciba na Comissão de arbitragem, mas pra mim não apenas ele. A partir do momento que toda a CBF compactua com a manutenção de Gaciba nessa vergonha que é a Comissão de arbitragem do Brasil, todos são corresponsáveis. A gente está acostumado a falar de Gaciba, mas quem colocou e mantém ele lá também é corresponsável por isso”, pontuou Bellintani.

Questionado sobre qual atitude ele iria tomar para reverter a situação, o presidente do Bahia se mostrou decepcionado com a inoperância da CBF.

“Nós temos uma série de representações contra os árbitros. Nós representamos contra o árbitro que apitou Juventude x Bahia e duas rodadas depois ele estava apitando Série A do futebol brasileiro. Não é uma surdez. Não se trata de surdez. Se trata de má intenção mesmo. Me parece que hoje há no Campeonato Brasileiro um direcionamento de qual clube vai subir e qual clube vai cair. Quem pensa diferente disso, que tome atitude pra mudar então. Me parece algo muito direcionado. O Bahia consegue render no campeonato, consegue passar sete jogos tomando apenas um gol. Estamos no nosso melhor momento do campeonato e durante três jogos seguidos nós temos três escândalos. Não é erro de interpretação. Vamos parar de falar de erro de interpretação. Peito não é mão. Isso não é interpretação. Isso é má vontade no mínimo”, concluiu.