Banner Prefeitura

Apresentado, Goulart explica a escolha pelo Bahia: ”Fiquei muito interessado, feliz pelo projeto”

Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

Na última segunda-feira (1) o Bahia anunciou às contratações do lateral-direito Marcinho e do meia-atacante Ricardo Goulart. Apresentado nesta terça-feira (2), Goulart falou sobre sua chegada ao Esquadrão.

”Agradecer a Deus pela oportunidade de vestir essa camisa, a gente sabe a grandeza que esse clube tem. Nas primeiras conversas, fiquei muito interessado, feliz pelo projeto. Por onde passei, consegui consolidar meu nome, mostrar meu futebol”, disse.

O atleta chega após uma passagem ruim pelo Santos. Contratado como camisa 10 e maior reforço para a temporada, ele não rendeu o esperado no Peixe e rescindiu com a equipe após as eliminações na Copa Sul-Americana e Copa do Brasil.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Pelo time da Vila Belmiro, foram 30 partidas, com quatro gols e sete assistências no período. Brasileiro naturalizado chinês, o novo contratado comentou sobre sua saída do alvinegro paulista e revelou uma conversa com o ex-técnico do Santos, Fabián Bustos, que, segundo o meia, o prejudicou com a maneira em que jogava.

”O cenário que foi ocorrido alguns meses atrás, tive conversa franca como tive com todos os profissionais com quem eu trabalhei, sempre colocando e respeitando a opinião do treinador. Infelizmente, ele não respeitou o meu estilo de jogo, não respeitou a minha história, quis colocar e não respeitar a minha contratação de peso que foi na temporada pelo Santos. Foi uma conversa franca, expliquei que jogo de meia atrás do atacante. Pelo estilo de jogo dele, não opta por meia. Acabou prejudicando o meu futebol, não tem oportunidade de sequência. E lá não aconteceu”, explicou.

”Alguns meses atrás, questão jogador e treinador não fluíram como eu gostaria que fosse. Por decisão minha, optei por deixar de lado e seguir novos ares. Estou muito feliz de vestir a camisa do Bahia”, completou.

Ricardo foi o melhor jogador do Campeonato Brasileiro em 2014 e se destacou quando conquistou o Nacional com o Cruzeiro mais de uma vez. Além do atual líder da Série B, o meio-campista acumula passagens por Goiás, Palmeiras e Guangzhou Evergrande, da China, onde foi naturalizado. *Com informações são do Galáticos Online


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.