Banner Prefeitura

Suspeitos de envolvimento em assassinato de PM em Salvador morrem após confronto com a polícia

Redação, com informações do Metro1 - Foto: Pixabay

Outros 2 foram baleados

Quatro suspeitos de envolvimento com a morte de um policial militar assassinado no último final de semana foram baleados em confronto com guarnições da Polícia Militar na manhã desta segunda-feira (9). Dois dos suspeitos não resistiram aos ferimentos e os outros dois estão sob custódia, em uma unidade médica.

O confronto aconteceu entre os bairros de Águas Claras e Cajazeiras. Não há detalhes sobre o hospital em que os suspeitos estão custodiados e nem sobre os estados de saúde deles.

O coronel Paulo Coutinho, comandante-geral da Polícia Militar, confirmou que os quatro suspeitos têm relação com a morte do soldado Alexandre Menezes, assassinado enquanto trabalhava no último sábado (7). O comandante-geral disse ainda que os outros envolvidos no crime estão sendo procurados e devem ser presos ainda nesta segunda.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Todo o efetivo da Polícia Militar está envolvido nesta operação, por determinação nossa [Comando Geral da PM] e do governador do estado, para que a gente mostre de forma bem clara que eles atentaram contra o Estado da Bahia, e nós não vamos permitir que isso aconteça”, disse o comandante-geral.

Alexandre foi morto com um tiro na cabeça no último sábado (7), enquanto fazia rondas no bairro de Águas Claras, em Salvador. Dois outros PMs também foram assassinados no domingo (8), no bairro de Cajazeiras, quando voltavam do enterro do colega.


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.