Banner Gov BA

Sem patrocínio até o momento, Réveillon de Salvador pode não acontecer, diz prefeito

fonte Metro1

Principal show ocorrerá no quebra-mar perto do Mercado Modelo, local estrategicamente escolhido para ser acompanhado em grande parte da cidade

Foto: Max Haack/Secom PMS

O prefeito de Salvador, Bruno Reis, afirmou nesta terça-feira (9) que o Réveillon de Salvador pode não ser realizado por falta de patrocínio. Segundo o gestor municipal, a 45 dias do evento, ainda não existe um acordo firmado com parceiros para viabilizar o evento.

“Se não tiver um patrocinador para pagar a festa, não tem como ser feito. Quanto mais demora, mais difícil é de achar um patrocinador”, comentou.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O prefeito afirmou que anteriormente o setor privado arcava com todos os custos da festa, que reúne dezenas de artistas. “É difícil a uma altura dessa buscar um patrocinador para um evento daqui a 45 dias até porque tem todo um trabalho de marketing que é importante e que justifica o patrocínio. Esse é um problema para o réveillon também, sendo que temos as condições sanitárias como o mais importante a ser considerado para a realização do evento”, explicou Bruno.