Empresária denuncia violências por quase dois anos de ex-companheiro em Alagoinhas

Foto: reprodução Internet

Uma empresária de Alagoinhas, no Agreste baiano, denunciou o ex-companheiro por agressões que duraram quase dois anos. O homem foi preso nesta terça-feira (19). Segundo a TV Bahia, Carla Matins disse que a situação começou a acontecer no final de 2020, quando ela o conheceu através de um aplicativo de relacionamento.

À época, a mulher ficou entusiasmada com o homem que aparentava ser uma pessoa encantadora e educada. Após se conhecerem em Salvador, os dois foram morar juntos em Alagoinhas. Depois de três meses, os problemas se iniciaram. Carla Martins afirmou que passou a ser vítima de castigos, tortura, violência sexual e psicológica. Em uma das situações, ela conta que sofreu um aborto espontâneo por causa das agressões.

O homem ainda teria usado faca e até uma espada para feri-la. A empresária declarou ainda que os filhos dela, de outro relacionamento, também sofreram violência física por parte do ex-companheiro. Devido a esse caso, Carla Martins perdeu a guarda das crianças.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Atualmente, a empresária está em uma casa de apoio e diz que vai usar a própria história para ajudar outras mulheres que sofrem violência semelhante. (fonte: Bahia Notícias)


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.