Ataque armado deixa dez baleados em bairro de Salvador; três morreram

Redação, com informações do g1Bahia

Ninguém foi preso pelo crime, ocorrido na noite de terça-feira (19).

Foto: Redes Sociais/Lisboa Junior/Tv Bahia

Subiu para três o número de mortos no ataque armado na 2ª Travessa da Jaqueira, no bairro da Capelinha de São Caetano, em Salvador. A informação foi confirmada nesta quarta-feira (20) pelo major Élison Oliveira, da Polícia Militar, que é o comandante da área. Ninguém foi preso pelo crime, ocorrido na noite de terça-feira (19).

Ao todo, 10 pessoas foram baleadas. O alvo dos disparos, identificado como Rafael Cidade dos Santos, de 24 anos, morreu ainda no local. Os outros 9 baleados foram socorridos para algumas unidades de saúde, entre elas o Hospital Geral do Estado (HGE), onde as outras duas vítimas morreram após terem sido internadas.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“Uma pessoa, foi constatada o óbito no local, que era o alvo da ação. Tinha envolvimento com criminosos, já tinha passagem [pela polícia] e uma condenação, até o momento, existia o registro policial por atividade criminosa. Outras pessoas que estavam com o mesmo também foram alvejadas. Duas vieram a óbito posteriormente no hospital”, detalhou o major.

Ainda não há informação sobre as identidades das outras duas pessoas mortas. Uma das vítimas internadas tem estado considerado grave e as outras não correm risco de morrer.

O policiamento está reforçado na região onde o crime ocorreu. Uma base móvel da PM foi instalada e os ônibus circulam normalmente na localidade, na manhã desta quarta.

Assustados, moradores da comunidade preferem não falar sobre a situação. Muitas cápsulas de munição foram encontradas espalhadas pela travessa onde o crime ocorreu.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Motivação do ataque

O major Élison disse ainda que o ataque foi motivado por vingança entre grupos criminosos, depois que um homem foi morto na Santa Luzia do Lobato, no início da noite de terça.

“Trata-se, na verdade, de uma ação de retaliação. Um grupo criminoso da região do Lobato, em represália a uma ação suposta de integrantes da facção dessa região, teria feito uma tentativa de homicídio na tarde de ontem [terça-feira, 19], e eles fizeram esses disparos”, confirmou ele.

Ainda não há detalhes sobre a identidade da vítima da Santa Luzia do Lobato, mas a informação é que se trata de um homem, que também teria envolvimento com a criminalidade.