Banner Prefeitura

Ajufe quer que novo ministro tenha perfil de Teori e faz lista tríplice para indicar nome

O presidente da Associação dos Juízes Federais (Ajufe), Roberto Veloso, quer que o escolhido para ocupar a vaga do ministro Teori Zavascki seja oriundo da carreira da magistratura. Veloso lembra que Teori foi magistrado de carreira, tendo, antes de chegar ao Supremo Tribunal Federal (STF) passado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), como desembargador, e Superior Tribunal de Justiça (STJ).

“Se tivermos um magistrado com esse perfil e com essa experiência será o perfil ideal para tocar esse processo”, referindo-se a Operação Lava Jato.  Segundo Veloso, a população precisa ficar atenta, pois o escolhido de Michel Temer terá muito poder. “Ele poderá continuar o trabalho do ministro Teori, mantendo as investigações. Ou terá o poder de impedir a continuidade das investigações”, afirma Veloso, concluindo que o novo relator poderá colocar em risco a operação.

“O ministro a quem couber os processos terá o poder de, monocraticamente, barrar as investigações. Claro que terá de enfrentar o peso da reação da opinião pública, mas é um risco real”, complementa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A entidade abriu uma consulta entre os magistrados para formar uma lista tríplice para o cargo de ministro do STF. Os três nomes escolhidos serão encaminhados para o presidente da República. A consulta será finalizada no dia 31 de janeiro. Alguns nomes já surgiram como possível novo ministro, e Temer quer um nome que não desagrade.


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.