PRF recupera carro após vítima perseguir suspeitos por mais de 70 km em rodovia na Bahia

Dois suspeitos foram presos.

Foto: Tv Bahia

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recuperou um carro de uma mulher que havia sido assaltada, após a vítima perseguir os suspeitos por mais de 70 quilômetros.

De acordo com a PRF, a mulher foi assaltada por três homens, na cidade de Santo Amaro, quando abria a academia de sua propriedade, por volta de 5h. O veículo foi recuperado na BR-324, na altura da cidade de Candeias.

Uma testemunha viu o assalto e decidiu ajudar a mulher. Eles decidiram perseguir o carro roubado com os suspeitos. Após cerca de 70 quilômetros, ao acessar a BR-324, a testemunha ultrapassou o carro com os suspeitos e informou sobre a situação em um posto da Polícia Rodoviária Federal.

Os policiais fecharam a pista e, após uma abordagem, prenderam os homens que estavam no carro roubado e recuperaram o veículo. O terceiro suspeito estava em outro carro e, ao perceber a movimentação dos policiais, parou o veículo e fugiu ao saltar de um viaduto que fica a poucos metros do posto da PRF.

“Felizmente a testemunha teve a clareza de não se aproximar muito. Até quando teve a oportunidade de ultrapassar o carro e nos passaram o informe. Estávamos na base quando, após o informe, atravessamos a pista e recuperamos o carro”, contou a inspetora Adriana Tavares, que participou da operação que prendeu os homens.

Ainda de acordo com a inspetora, momentos após esse caso, uma nova operação recuperou um outro veículo. “Naquele mesmo instante tivemos a chegada de uma senhora que faz entregas. Ela estava desesperada porque havia acabado de ser roubada. Uma outra equipe conseguiu recuperar esse veículo”, contou.

A inspetora destacou a importância do uso da ferramenta Sistema Nacional de Alarmes (SINAL) da PRF, responsável por sinalizar alguma ocorrência nas rodovias federais. “Sempre que houver um caso desse, entre no site da PRF e façam o registro no SINAL que imediatamente chega no nosso sistema”, contou.

Os homens presos em flagrante foram levados para a 22ª delegacia, na cidade de Simões Filhos. Após a perseguição, o carro da testemunha sofreu uma aquecimento e ficou parado em Simões Filho.

Fonte: g1 Bahia