Mais de 151 mil veículos devem circular na BA-099 durante o feriado da Proclamação

Redação

Foto: Reprodução / CLN

Por conta do feriado da Proclamação da República, desta sexta-feira (12) até a terça-feira (16), a Concessionária Litoral Norte (CLN) prevê que mais de 151 mil veículos devem circular na BA-099. Para garantir o funcionamento da via e a segurança dos motoristas, a CLN prepara uma Operação Especial, que conta com o apoio do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv), responsável pela fiscalização de trânsito na rodovia.

Possibilitando uma maior capacidade de resposta e ação durante os horários de pico, a concessionária disponibilizará equipes extras. Assim, haverá um aumento de 20% na quantidade de colaboradores prontos para atender. Entre eles estão operadores de pedágio, operadores viários com as suas viaturas e ambulâncias.

O Ten. Breno Lopes, do BPRv explica que estão sendo planejadas ações educativas em alguns pontos da rodovia, visando conscientizar os condutores sobre trânsito seguro, excesso de velocidade e consumo de bebida alcoólica.

“Teremos operações durante todo o feriado com o uso do etilômetro e buscando também coibir o transporte irregular de passageiros. Estamos colocando em prática a campanha ‘Pista não é Pasto’, que visa conscientizar proprietários de animais de grande porte ao cuidado para que os bichos não fiquem soltos na rodovia”, completa.

Os dias com previsão de maior fluxo são sexta-feira (12), quando se espera um volume de 34 mil veículos circulando na BA-099, e segunda-feira (15), quando são esperados mais de 31 mil carros. No sentido Aracaju, os horários de maior circulação previstos são na sexta, entre 16h e 20h e no sábado entre 10h e 14h. Já na volta do feriadão, no sentido Salvador, a previsão de fluxo mais intenso de veículos está previsto na segunda-feira, entre 15h e 20h.

Daniel Ovalhe, gerente de Operações da CLN, explica que os próprios motoristas podem colaborar para facilitar a fluidez nas cabines de pedágio. “É muito importante que os usuários planejem a viagem e facilitem o troco, contribuindo com a redução do tempo de espera na praça do pedágio e assegurando um acesso ainda mais rápido ao destino final”, salienta.