Banner Prefeitura

Alagoinhas: Primeira reunião de avaliação do novo Sistema de Integração do Transporte faz um balanço dos pontos críticos e aponta soluções

Redação

Foto: reprodução

Ao final do primeiro dia de operação do novo Sistema de Integração do Transporte de Alagoinhas, nesta segunda-feira (24), a Comissão Especial para reestruturação do transporte coletivo realizou a primeira reunião de avaliação da implantação do sistema de integração físico-tarifária. Primando pela transparência, em conformidade com as diretrizes da administração municipal, a prefeitura de Alagoinhas, por meio da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), divulgou as principais ocorrências registradas:

Da Frota

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Um veículo com pneu furado e um problema mecânico. A empresa substituiu os veículos.

Do Itinerário

Situação de tráfego ruim na ligação BR 101, Cruzeiro dos Montes, fim de linha de Santa Terezinha/Vale, ligação Urupiara – Brisas e itinerário da Baixa da Candeia. “Identificamos a necessidade de melhorar a divulgação das alterações de itinerários da linhas Urupiara e Petrolar”, explicou o presidente da comissão especial constituída para a reestruturação do transporte coletivo e Subprocurador-geral do município, Hilton Ribeiro.

Da Bilhetagem

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Não foram registradas reclamações quanto a utilização dos cartões de gratuidade. Houveram registros de cobrança de passagem na viagem integrada e foi identificado o uso coletivo do cartão (avulso e vale-transporte).

Outros casos registrados serão investigados quanto a erros tecnológicos, dos operadores, ou ainda, do excesso do tempo devido a atraso na viagem, principalmente da baixa da Candeia. Essas situações serão investigadas e os créditos cobrados indevidamente serão reembolsados. Para tanto, o usuário deverá registrar as seguintes informações:

  1. Nome do usuário
  2. Número e tipo de cartão
  3. Contato (telefone/e-mail)
  4. Linha de origem
  5. Veículo e horário da viagem de origem
  6. Linha da integração

A reclamação pode ser feita diretamente aos prepostos da SMTT no Terminal Urbano Central ou pelo telefone (75) 3423-2283 – WhatsApp app.

Do atendimento

Foi registrada reclamação de moradores do Parque dos Eucaliptos reivindicando o retorno do antigo itinerário da linha Urbis III.

“Estamos analisando o resultado das modificações implementadas na linha URBIS III e no retorno das aulas presenciais adotaremos as alterações pertinentes”, informou o Superintendente da SMTT Euler Fonseca. Ainda segundo ele, “as ocorrências registradas não comprometem o programa de reestruturação do transporte. Na maior brevidade possível, as inconformidades serão solucionadas”.


O APO está no Telegram. Faça parte do nosso grupo, clique aqui.